Agenda, Capacitação, Institucional, Patrimônio Cultural | 17.02.16

Fundação Cultural organiza esforços em prol de valorizar os grupos de Capoeira

DSC04359sNo ano de 2015 a Fundação Cultural de Varginha identificou, cadastrou e realizou cursos de reciclagem para as 18 Cias. de Folias de Reis da cidade, além de realizar toda uma Jornada Mineira do Patrimônio Cultural em torno do tema e registrar as Folias como patrimônio cultural imaterial de Varginha. No ano de 2016 será a vez das Cias. de Capoeira. Nesse ano, a Fundação Cultural organizará esforços em prol de valorizar mais esse patrimônio cultural do município, registrando, cadastrando e apoiando os grupos praticantes da arte da capoeira.

A capoeira é uma expressão cultural brasileira que mistura arte marcial, esporte, cultura popular e música. Foi desenvolvida no Brasil principalmente por descendentes de escravos africanos e tem a musicalidade como sua característica marcante. Praticantes da arte aprendem não somente a “lutar” como também a tocar instrumentos típicos e cantar.

No mês de julho, a Fundação Cultural de Varginha apoiará um grande encontro entre os grupos de capoeira, liderados pelo Projeto Dom, o Centro Brasileiro de Capoeira e a Escola Abassá Dendê Maruô. Durante o evento acontecerão os Jogos Centrais de Capoeira, uma espécie de campeonato entre as Cias. com tempo e pontuação pré-definidos; o Batismo e Troca de Graduações, tradicionais na cultura da capoeiragem e ainda cursos práticos, teóricos, apresentações culturais, exibições de equipes e aulas para iniciantes. O Encontro já foi incluído no Calendário Anual de Eventos da Fundação Cultural de Varginha.

Com tais ações, a Fundação Cultural pretende promover, interagir e proporcionar momentos culturais de qualidade a todos os praticantes de capoeira e à população em geral, ressaltando a capoeira como movimento de libertação, lema presente desde a sua criação e valorizando essa arte brasileira para que a mesma não perca suas características e perdure nas futuras gerações.