Espetáculo “Fora da caridade não há salvação” é neste sábado no Theatro Capitólio

Fé, dor, renovação, esperança e amor são alguns dos elementos abordados no espetáculo “Fora da caridade não há salvação”, de Cyrano Rosalém, que será apresentado neste sábado (25/05), às 20h30, no Theatro Capitólio.

Os ingressos já estão sendo vendidos no valor único promocional antecipado de R$ 25,00 no Açaí Club (Av. Rio Branco, 399 – Centro – 3221-9498), Loja Tindolelê (Rua Presidente Antônio Carlos, 658 – Centro – 3221-4811) ou online pelo site MegaBilheteria.com. A produção pede que, no dia do espetáculo (na entrada do teatro), seja doado 1 kg de alimento não perecível, que será destinado às pessoas carentes por meio dos centros espíritas de Varginha.

Fora da caridade não há salvação

No palco, Érica Collares e Rogério Fabiano contam uma emocionante história sobre renascimento. O enredo se passa num quarto de hospital, onde José está internado devido a um câncer. Ateu convicto, ele tem conversas diárias com a enfermeira espírita Maria.

Os assuntos versam não somente sobre a doença dele, mas sobre a existência da espiritualidade. Nem ele nem ela têm pudores de falar sobre as suas vidas pessoais e suas trajetórias. Os embates sucedem-se o tempo todo, ora cômicos, ora trágicos. Mas, sem que percebesse, a índole materialista de José irá se transformando.

Num trecho da peça, Maria diz: “Se as dores do seu irmão não lhe causam dor, então, quem precisa de ajuda é você”. A peça foca no pensamento positivo. “A mensagem é: acredite em você mesmo. Nunca desista”, enfatiza o autor Cyrano Rosalém, que teve num sonho a inspiração para criar o texto.

Os atores e a equipe já são referência pelo país em peças com tema espírita. Há sete anos, eles viajam em turnê pelo Brasil com quatro produções sobre o tema, entre elas “Allan Kardec – Um olhar para a eternidade”, sucesso de público e visto por mais de 500 mil pessoas em cem cidades no Brasil.

A produção local é da MM Produções Artísticas. Mais informações pelo (35) 9 9129-0061 ou 9 9106-7489.

 

Deixe uma resposta